Surfe nas Olimpíadas

Atletas chegam a Tóquio

Competidores desembarcam em Tóquio e revelam suas rotinas e expectativas para a estreia do surfe nas Olimpíadas.

0
Italo Ferreira foi um dos primeiros brasileiros a chegar na Vila Olímpica.

A corrida olímpica já começou, pelo menos nos bastidores. Muitos dos surfistas que irão competir nos Jogos desembarcaram no país asiático e deram até os seus primeiros passeios pela Vila Olímpica. Alguns deles postaram imagens e mensagens nas redes sociais para celebrar a chegada a Tóquio.

Italo Ferreira começou cheio de energia e com a agenda cheia. O potiguar aproveitou para conhecer atletas de outras modalidades na Vila Olímpica. Ainda aventurou-se em um treino com a seleção brasileira de handebol, e puxou ferro para manter a forma em dia. “Movimentando a carcaça”, publicou.

Gabriel Medina desembarca em Tóquio.

Gabriel Medina desembarcou hoje e postou uma foto no aeroporto de Tóquio. “Conseguimos”, escreve. O brasileiro deve ter um dia intenso pela frente e vale ficar de olhos nas redes sociais do atleta para mais novidades.

Silvana Lima foi parceira de Italo Ferreira na experiência com o time de handebol, que rendeu boas gargalhadas. “Eita p…”, brinca. A cearense também curtiu bastante as instalações olímpicas. “De rolê pela Vila”.

Tatiana Weston-Webb chegou no Japão na manhã de hoje, acompanhada do seu marido Jesse Mendes. Ela demonstrou entusiasmo em representar a bandeira verde e amarela. “Não vejo a hora de colocar a lycra com a bandeira do Brasil”, publica.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Silvana Lima ✨♏️ (@silvanalimasurf_)

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Tatiana Weston-Webb (@tatiwest)

Caroline Marks revelou que o time dos Estados Unidos fez um treino em uma piscina de ondas no Japão. Em uma foto postada em seu Instagram, é possível ver John John Florence e Kolohe Andido no local. “Foi muito divertido”, define Marks.

Na imagem, Florence aparece com um grande equipamento de proteção em seu joelho esquerdo. O surfista passou por uma cirurgia em maio e pode não ter o condicionamento físico ideal na competição.

Time norte-americano treinou em piscina de ondas.

Ídolo no Japão, Kanoa Igarashi também já desembarcou no país de origem da sua família e fez um treino em uma praia local. “É bom estar de volta ao Japão e me preparando para uma grande semana”, avisa.

Representantes da França, Johanne Defay e Jeremy Flores viajaram juntos para Tóquio. “Muito insano saber que tem um bom swell vindo durante a janela olímpica”, escreve Defay, sobre a previsão de ondas para a estreia do surfe nos Jogos.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Kanoa Igarashi (@kanoaigarashi)

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Johanne Defay (@johannedefay)

Indonésio voador, Rio Waida pode ser uma das surpresas na competição olímpica de surfe. Ele chegou a Tóquio com seu quiver completo e recebeu apoio nas redes sociais de surfistas como Nathan Florence, Aritz Aranburu e Paulo Moura. “Obrigado a todos pelo suporte”, agradece.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por @riowaida_

Cronograma

A janela da competição inédita de surfe nas Olimpíadas será entre os dias 25 de julho e 1º de agosto. Clique aqui e fique por dentro do formato de competição e das baterias da primeira fase.

O “Festival Olímpico de Surfe”, como o Comitê Organizador denomina a modalidade, terá 40 atletas, sendo 20 no Masculino e 20 no Feminino, com no máximo dois representantes por país em cada gênero.

Com exceção das finais, os dias de disputas começam às 19h (de Brasília). Os duelos que valem o ouro estão marcados para às 20h (de Brasília).

Leia mais

Chave de baterias antiga, antes da alteração

Lista olímpica fechada

Cronograma dos Jogos

Ticket para Tóquio

O Japão é logo ali