Quiksilver Jaws Challenge

Bicho vai pegar no Havaí

Melhores big riders do mundo disputam o Quiksilver Jaws Big Wave Challenge até 31 de março, no Havaí.

0

A temporada de ondas grandes do Pacífico Norte 2021/22 está em curso, e isso significa que o período de espera para o Quiksilver Jaws Big Wave Challenge está oficialmente a caminho no Havaí.

De 15 de novembro a 31 de março em Peah’i – também conhecido como Jaws – na ilha de Maui, o prestigiado evento de ondas grandes é diferente de qualquer outro no mundo. Com 24 convidados masculinos e 12 femininos, o evento só terá alerta verde para começar quando o surfe e as condições meteorológicas conspirarem para criar um dia épico. Os competidores terão apenas 72 horas para chegar a Maui assim que o evento estiver confirmado.

“Apoiar o Big Wave Surfing no Havaí sempre esteve no DNA da Quiksilver e desempenhou um papel vital na rica história da nossa empresa. Estamos orgulhosos de fazer essa parceria com a WSL”, diz Brad Blankinship, da Quiksilver.

View this post on Instagram

A post shared by World Surf League (@wsl)

Primeiro ganhando notoriedade no cenário internacional por Laird Hamilton e a equipe “Strapt” de Maui que inaugurou a era do tow-surf no final dos anos 1990, Peah’i continua a ser um dos mais desafiadores – e perigosos – picos de ondas grandes do mundo. Na sua forma mais massiva, sabe-se que as ondas ultrapassam 80 pés (24 metros).

Graças ao ressurgimento do surfe de ondas grandes e aos avanços nas técnicas e tecnologias de segurança na água, hoje em dia os melhores homens e mulheres desafiam os limites por conta própria. Entre os surfistas locais notáveis ​​de Maui que lideram o line up hoje estão Billy Kemper e Paige Alms, que venceram o evento várias vezes, juntamente com talentos como Kai Lenny, Ian Walsh, Bianca Valenti e Skylar Lickle.

Com uma lista de talentos internacionais, a competição verá os melhores surfistas do mundo indo ao tudo ou nada em um dos principais locais de ondas grandes do mundo. O evento será transmitido ao vivo pela plataforma World Surf League, bem como pelos parceiros de transmissão da WSL.

Devido a preocupações ambientais e de segurança, não haverão espectadores no local. Não haverá estacionamento disponível para não residentes em ambos os lados da Hana Highway ao redor do local do evento no dia da competição.

Clique aqui para saber todas as novidades sobre a Quiksilver Brasil. Acompanhe no Waves todas as atualizações sobre a competição em Jaws.