Golfinhos entram em cena

Conner Coffin divide salão azul com os golfinhos em The Box e leva os internautas ao delírio.

0

Se no ano passado o Margaret River Pro foi marcado pela grande preocupação com os tubarões, no terceiro dia da etapa australiana, foram os golfinhos que entraram cena. Durante o confronto em que derrotou o brasileiro Jessé Mendes, o californiano Conner Coffin foi agraciado com um lindo salão azul compartilhado com os golfinhos, levando os internautas ao delírio.

“Estava tão insano lá fora que eu estava muito empolgado antes dessa bateria”, disse Coffin. “Eu tive que me acalmar e me lembrar de me concentrar na missão. Eu só lembro que eu achei que estava muito para dentro da bancada, ansioso por prioridade, então Jessé (Mendes) pegou uma, e aí eu olhei e havia todos esses golfinhos ao meu redor e essa onda grande e azul perfeita para mim e eu pensei “Oh meu Deus, isso é insano!” Temos muita sorte em entubar em nossas baterias algumas vezes e The Box é tão divertido quanto possível. Este foi definitivamente um bom dia no escritório”, concluiu o californiano.

O tubo de Conner também foi comentado pelo 11 vezes campeão mundial Kelly Slater, algoz do brasileiro Willian Cardoso. “Hoje é um dia memorável no Tour e na vida, realmente”, falou Slater. “Eu provavelmente nunca na minha vida vou esquecer de ver Conner (Coffin) botar pra dentro com os golfinhos naquela onda louca. Essa é uma das coisas mais legais que você pode experimentar no surfe, até mesmo em não estar lá e apenas estar assistindo é incrível. Difícil de absorver tudo porque havia barbatanas em todos os lugares e os golfinhos estavam surfando sob a água, era inacreditável. É muito divertido de assistir. Eu acabei de ter uma empolgação de borboletas durante toda a manhã. É muito divertido competir quando as ondas estão assim. Essas condições, se você surfar com um cara em The Box, eu diria que é o dia do ano para nós no Tour”.