Treinos a distância

Preparador Eduardo Vianna conta como é o trabalho com o bicampeão mundial Phil Rajzman em tempos de quarentena.

0
Phil Rajzman trabalha o corpo e a mente para a volta das competições.

O dia a dia de um atleta de alto rendimento envolve uma rotina pesada de treinos, além de acompanhamento médico, psicológico e nutricional. Com os campeonatos adiados por conta da pandemia de Covid-19, um dos desafios tem sido realizar estes treinos online.

Preparador físico de nomes como Raoni Monteiro, Gabriel Sampaio, Gabriel Sodré, Kalani Lattanzi e Dudu Pedra, Eduardo Vianna desenvolveu um treinamento específico para o bicampeão mundial de longboard, Phil Rajzman.

Phil e Eduardo durante os treinamentos online.

“Trabalhar com Phil é muito fácil, um cara que sempre foi atleta. Isso faz com que ele tenha mais facilidade de se adaptar a estes treinos do que a maioria”, conta Vianna, que reside em Saquarema (RJ) e tem organizado videoaulas.

“Além da rotina de exercícios que o Phil precisa, procuro trabalhar movimentos que se assemelham a algumas manobras do longboard, tornando tudo o mais específico possível”, acrescenta o preparador físico.

“No caso do longboard, a agilidade da movimentação e a coordenação são essenciais para que o surfista consiga se movimentar em cima da prancha sem que haja um grande desequilíbrio”, comenta.

Além de deixar o corpo ativo, outro desafio é manter a cabeça dos atletas focada para o retorno das competições assim que a quarentena passar. Eduardo conta que também é preciso adequar os treinos a distância com objetos e aparelhos que os surfistas já possuem em sua residência.

Preparação a distância também envolve equipamentos que o atleta já possui em casa.

“Com o surfe liberado no estado do Rio de Janeiro de uma forma segura, estamos conseguindo fazer uma boa estratégia de treinos, conciliando a prática na água e os exercícios específicos fora da água”, conta Vianna, que também dá dicas para a galera manter a forma em casa.

“Treinar sozinho ou online não é muito motivante. Por isso, um profissional capacitado possa ser essencial. O mais importante é não deixar de treinar, pois a manutenção irá preservar ao máximo tudo aquilo que você já conquistou com seu treinamento original”, diz Eduardo.

“Você não precisa de nenhum equipamento específico, o peso corporal já é um grande aliado”, finaliza o preparador Eduardo. Para saber mais sobre o trabalho de Eduardo, siga o perfil @e.viannapersonal no Instagram.