Guerreira do Titanzinho

Situação de extrema pobreza de Juliana dos Santos, campeã cearense e Top 8 do ranking nacional, comove a comunidade do surfe nas redes sociais; campanha de doação é feita para ajudar a atleta.

0
Situação de pobreza extrema comove a comunidade do surfe nas redes sociais; vaquinha é feita para ajudar Juju a comprar uma casa.

Campeã cearense Open e oitava colocada no ranking do CBSurf Pro Tour, Juliana dos Santos, de 21 anos, mais conhecida como Juju, vive em condições de extrema escassez em Serviluz, um dos bairros mais carentes de Fortaleza (CE). A situação da atleta local do Titanzinho gerou comoção após um vídeo publicado pela jornalista Patrícia Calderón circular nas redes sociais.

Juliana aparece nas imagens ao lado de outros quatro membros da família onde eles moram, um cômodo de apenas cinco metros quadrados. É possível ver que o espaço está infestado de insetos e não há quase nenhum alimento para consumo.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Patrícia Calderón (@calderonjornalista)

Segundo Patrícia, a mãe da menina é dependente química e o pai envolvido com a criminalidade. A avó vende latinhas para reciclagem e assim levanta a única fonte de renda da família.

Ainda de acordo com a jornalista, frequentemente Juju entra no mar do Titanzinho para treinar com fome, para poder deixar alimento para os idosos. Ela dorme no chão, para que a única cama de solteiro fique para os avós.

Sensibilizada com a história, a jornalista criou campanha de doação online para arrecadar recursos para ajudar a menina a comprar uma casa digna para a família. Até esta sexta-feira (22), já haviam sido arrecadados cerca de R$ 59 mil. A meta é de R$ 100 mil.

Clique aqui para fazer a sua doação.