Tragédia na Holanda

Cinco surfistas morrem afogados em um dia trágico em Scheveningen Beach, Holanda.

0
Equipe de resgate trabalha sobre forte camada de espuma na busca por sobreviventes.Robin Utrecht / REX
Equipe de resgate trabalha sobre forte camada de espuma na busca por sobreviventes.

Cinco surfistas morreram afogados na última segunda-feira (11), em Scheveningen Beach, um dos picos de surfe da Holanda.

As autoridades ainda investigam o que aconteceu, mas entende-se que uma forte tempestade atingiu a costa de surpresa e jogou o grupo de surfistas em direção às pedras.

Uma enorme massa de espuma teria se formado no molhe, o que teria sufocado os surfistas, que não conseguiram vencer a forte correnteza.

Outras cinco pessoas foram retiradas com vida do mar pelas equipes de resgate, que chegaram ao local pouco depois do acidente, por volta das 19 horas.

Em depoimento ao site Magicseaweed, um fotógrafo local relatou que alguns dos surfistas eram experientes e outros praticavam o bodysurf, quando os ventos mudaram rapidamente.

Dia trágico para o surfe holandês.Robin Utrecht / REX
Dia trágico para o surfe holandês.

“Seis watermen experientes foram para a água com roupas de borracha e nadadeiras, mas três deles não conseguiram lutar contra a corrente e foram arrastados sob a espuma. Eles não conseguiram sair. E dois surfistas experientes também não conseguiram. Drama enorme, a comunidade de surfe está em total choque e descrença”, disse o fotógrafo.

As equipes de resgate retiraram dois corpos do mar ainda na segunda-feira, mas não conseguiram ressuscitar as vítimas. Outros dois corpos foram localizados na terça-feira pela manhã. O corpo da quinta vítima foi visto no mar, mas ainda não foi recuperado.

“As pessoas aqui sabem que o mar dá e recebe, mas a maneira na qual tantas vidas jovens foram ceifadas é inimaginavelmente cruel”, disse o prefeito local Johan Remkes em entrevista coletiva.

Leia mais

Origem do fenômeno