Niterói fecha acesso

Após final de semana de aglomeração, prefeitura de Niterói (RJ) bloqueia acesso às praias da Região Oceânica.

0
Reprodução / Guia de Niterói
Itacoatiara faz parte da Região Oceânica de Niterói.

Após o fim de semana de sol ter atraído muitos banhistas para a orla da cidade, a prefeitura de Niterói (RJ) decretou, novamente, na última terça-feira (14), o fechamento das vias públicas de acesso às praias da Região Oceânica.

É permitida apenas a entrada de moradores e dos serviços de entrega. No domingo, jornal O Globo adiantou que a nova flexibilização ia impor desafios à fiscalização e mostrou que as praias estavam recebendo um número cada vez maior de frequentadores, além de praticantes de exercícios físicos individuais e surfistas — únicas atividades permitidas.

Em sua justificativa, o prefeito Rodrigo Neves diz que a retomada gradual das atividades deve adotar algumas cautelas para se evitar uma segunda onda de contágio de Covid-19 na cidade. De acordo com o decreto, as autoridades de trânsito vão disciplinar a proibição de estacionamento nas proximidades das praias e cobrará a documentação necessária para o acesso e/ou estacionamento excepcional.

“As medidas previstas poderão ser prorrogadas, de acordo com a evolução da pandemia e das orientações das autoridades de saúde, podendo inclusive ser revistas, a qualquer momento, as autorizações para funcionamento de estabelecimentos e realização de atividade, caso haja piora dos indicadores atinentes à pandemia em Niterói”, explica um trecho do decreto.

A Região Oceânica de Niterói conta com as praias de Camboinhas, Itacoatiara, Itaipu, Piratininga e Sossego.