Brazucas convocados

Idealizada por Gary Linden, competição interativa Surf Web Series desembarca no Brasil no fim de outubro.

0
Parada brasileira do SWS acontece entre 26 de outubro e 6 de novembro.

O campeonato interativo Surf Web Series (SWS), que já passou por México e África do Sul, vai desembarcar no Brasil entre os dias 26 de outubro e 6 de novembro.

Idealizado pelo lendário Gary Linden, em parceria com o empresário brasileiro Gustavo Duccini, o SWS é um campeonato virtual no qual os surfistas enviam vídeos de suas melhores ondas e um júri, formado por especialistas e público, decide os vencedores.

Ainda no Brasil, como sócio regional e à frente das operações, o SWS conta com a expertise do experiente publicitário e produtor Evandro Abreu, que já trabalhou em grandes empresas, entre elas, MTV, Adidas e Editora Abril. Ao longo da carreira, ele participou de projetos de eventos como a Copa do Mundo na França e no Brasil, Olimpíadas de Londres e Rock in Rio, além de ser o criador do maior circuito regional de surfe do mundo, o inesquecível SuperSurf.

A disputa online começou em junho, no México, e o campeão foi conhecido local de Puerto Escondido, Jafet Ramos. O evento também já está rolando na África do Sul e tem data marcada para a Austrália, Chile e Japão. A intenção é terminar a competição com uma grande final mundial em 2021, com surfistas de todos os países.

As regras são simples: os surfistas competem em baterias eliminatórias de quatro, três e dois surfistas, com os melhores avançando até a grande final.  O júri é formado por quatro juízes, além dos fãs, que decidem os melhores colocados com o quinto voto. As ondas precisam ser filmadas em um período prévio de um ano antes do evento.

Competição interativa é idealizada pelo lendário Gary Linden.

Surf Web Series (SWS):

O que é?

Surf Web Series é um campeonato mundial de surfe online. Isso representa uma espécie de revolução do surfe competitivo, no qual os atletas competem inserindo vídeos de surfe de todo o mundo. A plataforma digital mostra surfistas que apresentam grandes desempenhos nas melhores ondas de seus países. Desta forma, o SWS é capaz de impactar os fãs de forma direta e massiva, em qualquer lugar do mundo. Tudo que eles precisam é de um smartphone!

Por que estamos fazendo isso?

O SWS nasceu como uma solução para os desafios que o mundo enfrenta atualmente. Tem como objetivo conectar surfistas, ondas, parceiros e fãs através da Internet. É um conceito disruptivo, mas compreende um envolvimento descomplicado com o público. Permite a promoção de surfistas por meio de tecnologias amplamente disponíveis e apoia talentos sem barreiras geográficas ou econômicas. Desta forma, o SWS busca promover os surfistas em escala global por meio de sessões de free surf.

Cartaz do 51 Ice E-Pro Brasil, etapa brasileira do Surf Web Series 2020

Quem está surfando?

Os melhores surfistas de todo o mundo, de cada país, podem competir em casa. Eles são capazes de mostrar suas melhores performances sem viajar para lugar nenhum, dando oportunidade a qualquer um que tenha um surfe impressionante, não importando seus patrocinadores, imagem, redes sociais ou qualquer suporte. O desempenho é tudo o que conta.

Como funciona?

Cada evento internacional individual é realizado em um período de duas semanas, com os melhores surfistas do país participando de rodadas eliminatórias. As baterias são estruturadas no formato de competição profissional tradicional, e os competidores enviam um único clipe de onda por bateria. As ondas publicadas devem ser do país do evento, ter um tamanho máximo estabelecido e ter surfado durante um determinado período.

Evandro Abreu é criador do maior circuito regional de surfe do mundo, o inesquecível SuperSurf.

Qual é o formato de julgamento?

Para determinar quem avança na competição, o júri é formado por torcedores que votam nas redes sociais junto com quatro jurados profissionais, que vão pontuar cada onda de acordo com os critérios atuais do esporte.

Quem está por trás disso?

Surf Web Series é uma plataforma dirigida pela lenda do surfe Gary Linden. Com o Surf Open League no México, ele lançou o primeiro campeonato mundial de surfe online.

Onde e quando o Surf Web Series acontecerá?

A atual temporada inclui o Tour mundial da categoria shortboard. A parada sul-africana está na reta final, o evento do Chile começará no dia 24 de agosto, com o Japão abrindo no dia 14 de setembro. A Austrália dá a largada em 4 de outubro, enquanto no Brasil rola dia 26 de outubro e o México no dia 16 de novembro. Haverá outros eventos em cinco outros países nos próximos meses.

A primeira edição do campeonato mundial se encerrará com uma prova final, na qual os melhores de cada país competirão entre si. Isso está programado para acontecer em março de 2021. Haverá eventos alternativos ocorrendo em 2020, juntamente com o Tour de shortboard.

Estão definidos para incluir no SWS eventos de ondas grandes, bodyboard e longboard. O objetivo é, eventualmente, criar um campeonato mundial em cada modalidade, incluindo uma grande final para cada categoria.

Interessados em conhecer mais sobre a disputa, podem entrar em contato através do e-mail [email protected].