Julia Santos faz a festa

Julia Santos fatura título da categoria Open Feminino no 1º Quiksilver Estadual de Clubes; Associação Santos de Surf (ASS) leva a melhor por equipes.

0
Julia Santos sai vitoriosa na primeira edição do Quiksilver Estadual de Clubes.

Primeiro campeonato realizado pela Federação de Surf do Estado de São Paulo (SPSurf), o 1º Quiksilver Estadual de Clubes foi encerrado na última terça-feira (1º) e conseguiu movimentar a comunidade do surfe de todas as praias do Estado. O último dia ficou reservado para as finais femininas e SUP Masculino, além das atrações das categorias Surf Dog, Surfe Adaptado e dos atletas da modalidade Waveski.

Clique aqui para ver o vídeo

A equipe de Santos, que no dia anterior já tinha conquistado o título da principal categoria com Edgard Groggia, repetiu o feito, desta vez com Júlia Santos. A defensora do título brasileiro levantou o troféu de campeã paulista da categoria Open. “Estou muito feliz de defender Santos e ainda sair vitoriosa do primeiro evento da SPSurf, que está de parabéns”, diz Julia.

Em um dia de ondas pequenas, Julia ditou as regras contra Isabela Saldanha, da equipe de São Sebastião, que terminou na segunda posição. Luana Rebello defendeu a equipe da Grande São Paulo e foi a terceira colocada, enquanto a atleta da equipe de Peruíbe, Simone Nunes, voltou para a casa com a quarta colocação.

Na Sub 16, Yasmin Neves surpreendeu com uma virada na última onda, deixando a atleta da equipe de Praia Grande, Kemily Sampaio, em segundo, e da Grande São Paulo, Sol Carrion, em terceiro, em posições inferiores para garantir o título de campeã pela equipe de Camburi. “Estou grata comigo mesma de ter conquistado o título desta primeira Federação”, comenta Yasmin. Em quarto lugar ficou Kayllane Bryanna, da equipe de Peruíbe.

Yasmin Neves vira no final para ficar com o título da Sub 16.

O último dia também foi reservado para a final masculina do SUP, que foi disputada por atletas de elite. Wellington Reis, campeão do Gran Canaria Pro-Am de 2019, que competiu por Camburi, garantiu o título. “Só tenho a agradecer e parabenizar os organizadores deste evento”, informou. Reis defendeu o primeiro lugar contra Léo Gimenes, da equipe vicentina, que ficou com a vice liderança e figura entre os 10 melhores do mundo.

Em terceiro lugar, defendendo a equipe de Santos, ficou o atual campeão brasileiro Leco Salazar, também dono do título mundial de 2012. E da equipe Maresias, Marcio Grillo, um exímio tube rider, principalmente em mares grandes e pesados, garantiu a quarta posição.

A primeira campeã na categoria Sub 14, do Estadual de Clubes da SPSurf foi Sophia Gonçalves, da equipe de Maresias. Giovanna Donato, da equipe de Camburi, garantiu a segunda posição. Defendendo Santos, Gabi Muntaner, ficou com a terceira colocação e, competindo por Caraguatatuba, Mayara Zampieri garantiu o quarto lugar.

Na categoria Longboard, a grande campeã foi Kaylani de Souza, representando a equipe de Santos. Mari Marcelli, de São Sebastião, terminou na segunda colocação. Gabriela Andrade, da equipe Miwa, em terceiro lugar e Gabriela Haydee, da equipe de Juquehy, finalizou com o quarto lugar.

Categoria Surf Dog é atração à parte no evento em Camburi.

Equipes

Na decisão por equipes, Santos foi o grande destaque e ficou com o título de campeã do 1º Quiksilver Estadual de Clubes. A segunda colocação foi para São Sebastião, em terceiro, ficou Maresias e em quarto, Camburi. A quinta colocação foi para os atletas de Peruíbe. Já os surfistas da Grande São Paulo terminaram na sexta colocação.

Atrações

Além das competições, as atrações foram um show à parte. Os cães surfistas conseguiram chamar a atenção de todos que estavam na praia, que entre gritos e aplausos, ovacionaram os “autletas” dentro do mar. “Foi muito legal esta oportunidade que o Zé Paulo deu para esta categoria. Se surfar já é bom, imagina surfar literalmente junto com o seu melhor amigo?”, destaca o carioca Ivan Moreira, que participou junto com o seu labrador, Bono, pentacampeão mundial da categoria. Outro cão de destaque e vice-campeão mundial foi o santista Parafina. Participaram: Ivan e Bono, Marçal e Catarina, Augusto e Parafina, Gilson e Maya e Kaylane e Areia.

A SPSurf, com o surfe adaptado, conseguiu unir surfistas especiais de várias cidades como Caraguatatuba, Ilhabela e Praia Grande e mostrou que, por meio do esporte, é possível trabalhar a inclusão social das pessoas com deficiência, garantindo igualdade de oportunidades e acesso ao lazer. Participaram: Thiago Jungensen, João Aramine, Telmo Rodrigues, Robson Careca e Marçal Costa.

O público também conheceu um pouco melhor o esporte Waveski, uma das atrações no último dia do 1º Quiksilver Estadual de Clubes. Participaram: Marcelo Cunha, Leonél, Alexandre Vilarino, Cado, Gilberto, Jadir, Bruninho, Renato e Paulo Ribas.

Protocolo de saúde

Todos os cuidados para a não disseminação do coronavírus vem sendo tomados. Os protocolos de saúde determinado pelo Governo do Estado de São Paulo, como distanciamento social, aferição de temperatura de todo o staff e atletas, distribuição de máscaras e álcool em gel, estão sendo rigorosamente aplicados.

1º Quiksilver Estadual de Categorias de Base

A praia de Camburi, até esta quinta-feira (3), continua sendo o foco do surfe paulista, com a nova geração de atletas com menos de 18 anos. O 1º Quiksilver Estadual de Categorias de Base é realizado pela Federação de Surf do Estado de São Paulo (SPSurf).

As categorias em jogo são Sub 18 (masculino e feminino), Sub 16 (masculino), Sub 14 (masculino e feminino) e Sub 12 (masculino).

As baterias serão de 15 minutos, porém, contarão com quatro competidores nas disputas dos títulos. O evento é transmitido ao vivo.

1º Quiksilver Estadual de Clubes

Resultados do segundo dia

Sub 16 Feminino

1 Yasmin Neves (ASCAM)
2 Kemily Sampaio (APGS)
3 Sol Carrion (ASGSP)
4 Kayllane Bryanna (APS)

Open Feminino

1 Julia Santos (ASS)
2 Isabela Saldanha (ASSS)
3 Luna Rebello (ASGSP)
4 Simone Nunes (APS)

Longboard Feminino

1 Kaylani de Souza (ASS)
2 Mari Marcelli (ASSS)
3 Gabriela Andrade (MIWA)
4 Gabriela Haydee (ASJ)

Sub 14 Feminino

1 Sophia Gonçalves (ASM)
2 Giovanna Donato (ASCAM)
3 Gabi Muntaner (ASS)
4 Mayara Zampieri (ASC)

SUP Masculino

1 Welington Reis (ASCAM)
2 Léo Gimenes (ASVS)
3 Leco Salazar (ASS)
4 Marcio Grillo (ASM)

Equipe vencedora Santos – 119 pontos