Adeus, campeão

Bicampeão brasileiro e ex-integrante da elite mundial, Leo Neves falece depois de sofrer mal súbito durante session em Saquarema (RJ).

0
Leo Neves falece em Saquarema (RJ) e deixa quatro filhos.

Bicampeão brasileiro de surfe e ex-integrante da elite mundial, o carioca Leo Neves faleceu neste domingo (24/11), aos 40 anos, durante uma competição da Tríplice Coroa de Saquarema (RJ). As informações obtidas pelo Waves são de que Neves teria sofrido um mal súbito enquanto surfava na praia de Itaúna e acabou se afogando.

Leo disputava sua bateria na semifinal e havia acabado de surfar uma esquerda. As condições estavam pesadas, mexidas, e uma série entrou em cena enquanto ele retornava para o outside. De acordo com relatos de outros atletas que circulam pelas redes sociais, Leo Neves teria ficado exausto depois da sequência de ondas, parou para respirar sobre a prancha já no outside e acabou sofrendo um mal súbito.

Apesar de todos os esforços para reanima-lo, Leo acabou não resistindo.

Pouco antes das semifinais, o atleta havia gravado um vídeo sobre as condições do mar em Saquarema. “O mar tá sinistro. Imagina um mar tenebroso? Aquele… parece até uma máquina de lavar. Sente falta de ar sem to…”, falou Leo no vídeo postado na conta do Instagram do seu projeto, batizado de Futuros Campeões de Surf (o vídeo foi cortado neste trecho).

A morte também foi confirmada por amigos como o ex-integrante da elite brasileira Alexandre Almeida, o “Dadazinho”, e Ronaldo Monteiro, locutor de eventos da WSL e pai do também ex-Top Raoni Monteiro.

Leo Neves faturou o SuperSurf por dois anos consecutivos no auge do circuito, em 2002 e 2003.

Seus primeiros contatos com o surfe vieram cedo, aos 6 anos, e aos 10 ele já iniciava a sua vitoriosa carreira de competidor.

Radicado em Saquarema desde os 18 anos, o carioca rodou o mundo e disputou o Qualifying Series por 15 anos, garantindo seu nome na elite mundial, o Championship Tour, por duas temporadas.

Antes de participar do Tour em 2007 e 2008, Leo foi convidado para cinco edições da etapa brasileira da elite mundial (2000, 2001, 2002, 2003 e 2006). Seus melhores resultados foram em Imbituba (SC), já como Top, nos anos de 2007 e 2008, ficando com o quinto lugar por dois anos consecutivos.

Leo Neves na Barrinha de Saquarema (RJ), cidade em que vivia desde os 18 anos.

Devido ao seu porte físico e por ser uma pessoa de poucas palavras, mas de muita atitude na água – especialmente em condições pesadas -, Leo era temido pelos adversários. Mas as aparências enganavam. Os amigos e competidores mais próximos sempre classificaram Leo como uma pessoa tranquila e de bom coração.

Nos últimos anos, Leo vinha se dedicando à carreira de treinador de surfe para surfistas de média e alta performance, de crianças e amadores a surfistas profissionais.

O atleta deixa a esposa, Tatiana, e quatro filhos – dois do casamento anterior e duas do atual, uma delas recém-nascida.

O Waves envia sinceras condolências aos amigos e parentes de Leo Neves.

Confira mais detalhes em nossas próximas atualizações.

Assista ao vídeo gravado por Leo pouco antes de falecer:

View this post on Instagram

Obrigado Leo Neves por tudo oq fez em nossas vidas, era uma pessoa de coração muito bom, é triste pensar que momentos antes você estava do nosso lado, mas sei que você ainda está no coração de todos!!! Foram muitos momentos bons com você, obrigado por tudo e descanse em paz!

A post shared by Daniel Templar (@danieltemplar_) on

Veja mais fotos de Leo Neves: