Esperança viva

Amigos de Sunny Garcia desmentem morte do havaiano e revelam que ele está no hospital e tem chance de sobreviver.

0
Ader Oliveira
Sunny Garcia luta pela vida em hospital nos EUA.

Atualizado às 06h54:

Campeão mundial em 2000 e seis vezes vencedor da Tríplice Coroa Havaiana, Sunny Garcia está internado em um hospital nos EUA e tem chance de sobrevivência. Seu estado de saúde é crítico. As informações são de que Sunny havia tentado suicídio.

Nas redes sociais, legends como Kelly Slater, Derek Ho e Raimana Van Bastolaer fazem uma corrente de oração para que o ídolo havaiano sobreviva.

Em seu último post no Instagram, no último domingo, Sunny publicou uma foto da época em que era garoto e deixou a seguinte mensagem:

“Se eu contasse a esse garoto as coisas pelas quais ele passaria e as coisas que ele alcançaria, ele me diria que eu sou louco (risos). Uau, tem sido uma louca trajetória desde que essa foto foi tirada“.

Aos 49 anos, Sunny é pai de três filhos, além de ter um neto. Envolvido em várias polêmicas durante a carreira de competidor, ele batalha contra a depressão há pelo menos cinco anos.

Brian Bielman
Apesar da trajetória vencedora, Sunny não escapou das polêmicas ao longo dos anos em que competiu no circuito mundial.

Garcia nasceu em Oahu e estreou como profissional em 1986. O havaiano tornou-se um dos principais surfistas dos anos 90, terminando entre os Top 10 do WCT em todos os anos daquela década. Ele também foi o segundo surfista da história a superar a marca de US$ 1 milhão em premiação.

Em 2000, quatro anos depois de terminar o circuito mundial em terceiro, o havaiano mudou-se para a ilha do Kauai, perdeu peso e aproximou-se dos irmãos Irons em busca do sonhado título da elite profissional.

Inspirado pela vitória de Mark Occhilupo em 1999, ele venceu duas etapas do ano seguinte e finalmente colocou a bandeira havaiana no topo do World Championship Tour. Ao todo foram oito vitórias em etapas da elite.

Campeão da Triple Crown em 1992, 1993, 1994, 1999, 2000 e 2004, sua última grande conquista foi no QS de Sunset, em 2012. Em 2010, Sunny foi incluído no Hall da Fama de Huntington Beach e em 2015 no Hawaii Sports Hall of Fame.

Apesar da trajetória vencedora, Sunny não escapou das polêmicas e brigas ao longo dos 16 anos em que participou de provas do WCT. Em outubro de 2006, Garcia foi condenado à prisão federal por fraude fiscal depois de deixar de pagar impostos sobre ganhos não declarados entre os anos de 1996 e 2001.

O havaiano foi sentenciado a três meses de prisão, além de mais sete meses em prisão domiciliar e 80 horas de serviço comunitário. “Eu gastei meu dinheiro de maneira estúpida e não lidei com meus assuntos”, disse na época, em frente ao tribunal federal de San Diego.

Ao lado dos amigos Fabio e Elka Gouveia no Mundial Master de 2018 em Portugal.

Em 2007, Sunny se envolveu em uma confusão com Neco Padaratz e deu um soco no catarinense durante o Billabong Pipe Masters. Na ocasião, Neco estava com a prioridade na escolha de ondas e sofreu uma interferência do rival. A discussão continuou na areia e só parou com a chegada da polícia.

Em 2011, o comitê disciplinar e de regras da antiga ASP teve que punir o havaiano por uma briga envolvendo o francês Jeremy Flores e o surfista australiano Adam Clark durante etapa do WQS em Burleigh Heads, Austrália.

Tudo começou com uma discussão entre Stone Garcia, 16, filho de Sunny, e Clarke. Amigo da família de Sunny, Jeremy tomou as dores de Stone e entrou na briga, trocando alguns socos com o australiano.

Logo depois de ser eliminado da competição, Sunny viu a cena e entrou na água para agredir o local com um mata-leão. A confusão não parou por aí. Depois de sair da água, Sunny partiu pra cima de um brasileiro que registrava a pancadaria e o agrediu com um pontapé nas costas.

Nota da redação: Fontes ligadas ao Waves no Havaí confirmaram a morte do havaiano às 22 horas da última segunda-feira (29). No entanto, logo em seguida, novos relatos apontavam que o havaiano ainda lutava pela vida no hospital. O Waves pede desculpas aos internautas e se solidariza pela recuperação de Sunny.

Veja o último post de Sunny nas redes sociais:

View this post on Instagram

If I told this kid the things he would go through and things he would achieve he would tell me I’m crazy lol Wow it’s been a crazy ride since this photo was taken

A post shared by Sunny Garcia (@sunnygarcia) on

Amigos torcem pela recuperação do campeão mundial:

View this post on Instagram

With heavy hearts we confirm that Sunny Garcia is in the ICU in the hospital. Sunny has always been a great champion of surfing, both in and out of the water. Our prayers are with him and his loved ones at this deeply challenging time.

A post shared by World Surf League (@wsl) on

View this post on Instagram

Sunny…I love you, brother. I just can’t even fathom you not here. We’ve got so much more living to do before we are done. There’s been hard times but there have been so many good ones, too. Just praying you wake up and we get more of you. 🙏🏽 #MyOtherBrother

A post shared by Kelly Slater (@kellyslater) on

View this post on Instagram

Come on brother we need you here ! It’s not your time yet 🙏🏼 you’re a warrior ! Love you Sunny

A post shared by Jeremy Flores (@floresjeremy) on

View this post on Instagram

Vincent the 3rd checking pipe I dont think he is even looking at the lefts!our prayers for you and family!🙏

A post shared by derek ho (@derekho1980) on

View this post on Instagram

🤙❤️🤙

A post shared by raimanaworld (@raimanaworld) on

Se você estiver com pensamentos de suicídio, entre em contato com o Centro de Valorização da Vida pelo telefone 188 ou acesse Cvv.org.br.