Sophia renova patrocínio

Na trilha de grandes conquistas, Sophia Medina estende vínculo por mais dois anos com a Rip Curl.

0
Sophia Medina com a mãe Simone, o pai Charles e o técnico Gilmar Pulga no Rip Curl Grom Search de 2019 na Barra da Tijuca.

Apontada como futura surfista brasileira na elite mundial, Sophia Medina está de patrocínio renovado com a gigante Rip Curl. A atleta de 14 anos assinou o contrato por mais dois anos com a marca australiana, que também patrocina o irmão mais velho e bicampeão mundial Gabriel Medina. A assinatura, inclusive, teve a presença do ídolo, que se prepara para seguir para o Havaí, em busca do tri.

Natural da Praia de Maresias, em São Sebastião (SP), Sophia vem despontando como uma das grandes revelações do surfe feminino nacional e este ano teve grandes conquistas, como o bicampeonato do Circuito Rip Curl Grom Search, sem dúvida o principal “termômetro” quando se fala em revelar novos talentos nas ondas brasileiras, e o título do CBSurf Júnior Tour na categoria Sub 16, onde ganhou a chance de representar o País no Mundial da categoria, na Califórnia (EUA).

Na galeria de conquistas também foi a primeira campeã paulista feminina da história em 2018. Sophia garantiu todos os títulos que o irmão venceu quando amador, mostrando estar trilhando o mesmo caminho. Aos 14 anos, ela se prepara para novos desafios, primeiro com as disputas no pro-júnior e, depois – com todo suporte, tanto da Rip Curl quanto da família, que já fizeram esse planejamento anteriormente com Gabriel – o seu início no Circuito Mundial Qualifying Series (QS), buscando a sonhada vaga no Championship Tour (CT).

“É muito importante para mim essa renovação! Tenho orgulho de fazer parte do time Rip Curl e sou feliz de ter a melhor marca de surfe no bico da minha prancha por mais dois anos”, diz a atleta, fã do irmão, como não poderia deixar de ser, e da havaiana Carissa Moore.

Sophia trilha os passos do irmão e bicampeão mundial Gabriel Medina.

Apesar da pouca idade, ela mostra tranquilidade e maturidade sobre os planos para 2020. Entre os principais compromissos estará a final internacional do Rip Curl Grom Search, campeonato que seu irmão já foi o melhor do mundo quando tinha a sua idade, na Austrália. “Quero evoluir o meu surfe para poder competir campeonatos maiores como o Pro Júnior e os Mundiais da minha categoria”, conta Soso.

Sempre que pode, Sophia acompanha as disputas do irmão nas etapas do CT, junto com o pai e a mãe e busca aproveitar ao máximo essas vivências, para seu crescimento como atleta. “Eu vejo uma vantagem de poder ter mais tempo ao lado dele, que é meu ídolo e um grande exemplo como atleta e irmão”, fala. “Uma das principais metas da minha vida é chegar ao CT, mas não sei quando. Sei que estarei bem preparada pois já vou ter surfado em muitos lugares diferentes com o Gabriel e sou grata por essas oportunidades”, acrescenta.

Entre as principais experiências que já teve, uma das mais marcantes foi a participação nas triagens deste ano no Rip Curl Pro Bells Beach, a etapa mais tradicional do Circuito Mundial, na Austrália. Ela foi convidada pela marca por seu desempenho nas ondas e não decepcionou. “Foi a maior experiência da minha vida e só tenho de agradecer a Rip Curl por essa oportunidade. Treinei muito esse ano e seria muito bom viver esse momento novamente”, comenta a atleta.

Planejamento O gerente de marketing da Rip Curl Brasil, Fernando Gonzalez, comemora a renovação com a atleta mais nova da equipe, seguindo os passos do irmão, que também faz parte desse time desde 2009, e já traça planos grandes para o futuro.

“Ficamos felizes em poder dar essa continuidade ao trabalho que iniciamos há dois anos. A Sophia vem evoluindo muito rápido, tanto na questão técnica, quanto na questão psicológica”, elogia.

View this post on Instagram

Finalizando meu primeiro pro jr em 7 lugar, foi uma experiência boa. Feliz de estar evoluindo! Obrigada Deus❤️ Congrats to mi hermana, Sol !! Fotos: @oi_oficial

A post shared by Sophia Medina (@sophiamedina) on

“Acreditamos que com planejamento correto, muita dedicação, tanto dela, quanto da família, como da Rip Curl, vamos fazer um trabalho que pode levar ela a conquistar rapidamente uma vaga na elite mundial e, no futuro, se tornar, possivelmente, a primeira surfista brasileira campeã mundial de surfe, assim como realizamos com o Gabriel no masculino”, anuncia Fernando.

O gerente de marketing da Rip Curl lembra que a atleta treina hoje no Instituto criado pelo irmão em Maresias, um projeto referência no Brasil na formação de campeões e no desenvolvimento técnico. “Percebemos que ela adora fazer parte desse ambiente e tem, obviamente, o Gabriel como grande inspiração e muito próximo dela, assim como o Charles e Simone (pais), que também são responsáveis pelo sucesso do irmão e acreditamos que vai se repetir no trabalho com a Sophia”, argumenta.

Ele também ressalta que Sophia representa muito bem a marca no surfe feminino e prepara um trabalho para evidenciar ainda mais essa sintonia, assim como aconteceu com ícones como Stephanie Gilmore, Tyler Wright, Bethany Hamilton, Alana Blanchard e com a brasileira Jacqueline Silva, vice-campeã mundial em 2002.

“A Rip Curl tem um histórico de trabalho a longo prazo importante no surf feminino e, com certeza, vamos focar num projeto consistente para que a Sophia se torne, muito em breve, uma embaixadora da marca, não só no Brasil, mas a nível mundial”, revela o gerente de marketing da Rip Curl.

“A Sophia já provou o seu talento nas competições nacionais amadoras e mostra que mais uma vez estamos fazendo a escolha certa para a nossa equipe, dentro do objetivo global da marca em recrutar os novos talentos do surf, primeiro através do Grom Search, que é a plataforma de eventos que temos globalmente para descobrir surfistas de até 16 anos, além do objetivo maior que é contratar atletas com potencial para se tornarem campeões mundiais”, conclui.

View this post on Instagram

Um pouquinho das esquerdas que rolou em casa na semana passada😊 ——————————————— 🎥 @cacoreis.fotos

A post shared by Sophia Medina (@sophiamedina) on

Pingue-pongue com Sophia Medina

Nome: Sophia Medina
Apelido: Soso
Data e local de nascimento: 15/05/2005, em São Sebastião
Aprendeu a surfar com: 9 anos, com meu pai, Charles
Posicionamento na prancha: Regular (pé esquerdo na frente)
Pico favorito para treinar: Lower, Trestles, Califórnia (EUA)
Melhor onda que já surfou: Maldivas, Austrália e Havaí
Se não fosse surfista: seria arquiteta
Outro esporte que gosta: futebol
Comida: strogonoff
Bebida: suco de melancia com limão
Som: People – Evan and Eris
Ídolo no surfe: Gabriel Medina
Ídolo no surfe feminino: Carissa Moore
Ídolo na vida: Jesus
Sonho: ser campeã mundial
Família: é tudo para mim!
Championship Tour: meta