Silveira no topo

Lucas Silveira vence o Krui Pro e conquista a sua primeira vitória no QS; Gabriel Medina fica em quinto lugar.

0
Lucas Silveira vence o Krui Pro 2019.

O brasileiro Lucas Silveira foi o campeão do Krui Pro, QS 3.000 da WSL disputado no sul da Sumatra.

Em ótima esquerdas de 2 metros em Ujung Bocur, Silveira chegou embalado à final e derrotou o australiano Mitch Coleborn por 14.83 a 12.86 pontos.

Carioca radicado em Florianópolis (SC), o atleta mandou 7.00 pontos em sua primeira onda e abriu boa vantagem ao descolar 7.83. Algoz do bicampeão mundial Gabriel Medina nas quartas de final, Coleborn obteve 5.83 e 6.63 nas duas melhores ondas.

“Que dia – eu não posso acreditar!”, disse Lucas Silveira. “As ondas estavam muito boas hoje, bem, muito boas durante toda a semana. Eu gostaria que tivéssemos ondas assim em mais eventos – isso não acontece com muita frequência. Essa é a minha primeira vitória no QS, significa muito para mim. Eu nunca tive um bom começo de ano no QS, normalmente consigo um bom resultado no fim do ano – então, nunca estive perto de me qualificar, mas espero chegar lá este ano com outro grande resultado”, finalizou o brasileiro, que saltou de 66º para 22º lugar no QS.

Vice-campeão da etapa, Coleborn lamentou o cansaço, mas ficou satisfeito com o vice-campeonato. “Estou muito cansado agora”, falou Coleborn. “Está muito quente lá fora, e quando você pega uma onda longa, você é cozido pelo sol no caminho de volta. Mas eu não posso reclamar, essa foi uma das competições mais divertidas que eu já fiz. Estou empolgado por obter um segundo lugar em condições bombando”.

Gabriel Medina fica em quinto lugar na prova.

Medina em quinto

O último dia do Krui Pro começou com as quartas de final.

Na segunda bateria, Mitch Coleborn e Gabriel Medina travaram uma batalha acirrada e o australiano levou a melhor com notas 6.83 e 6.97, contra 5.83 e 6.60 do bicampeão mundial.

Já Lucas Silveira derrotou o francês Gatien Delahaye por 14.40 a 12.33 pontos, obtendo 7.50 e 6.90 nas duas melhores ondas.

As semifinais pegaram fogo. No primeiro duelo, Mitch Coleborn arrancou 9.27 e 7.00 pontos, contra 8.33 e 5.23 do norte-americano Cole Houshmand.

Em seguida, Lucas Silveira fez outra belíssima apresentação e saiu da água com 7.17 e 9.50, contra 7.60 e 7.13 do neozelandês Elliot Paerata-Reid.

Lucas no pódio do QS 3.000.

A competição contou também com o QS 1.000 feminino, vencido pela costa-riquenha Leilani McGonagle.

Na decisão, a atleta superou a havaiana Keala Tomoda-Bannert pelo placar de 14.84 a 13.76 pontos.

Resultado do Krui Pro 2019

1 Lucas Silveira (BRA)
2 Mitch Coleborn (AUS)
3 Cole Houshmand (EUA)
3 Elliot Paerata-Reid (NZL)
5 Gabriel Medina (BRA)
5 Gatien Delahaye (FRA)
4 Billy Stairmand (NZL)
5 Ruben Vitoria (ESP)
9 Tomas Hermes (BRA)

Top 10 do QS 2019

1 Jadson André (BRA) 15.000
2 Nat Young (EUA) 11.050
2 Matt Banting (AUS) 11.050
4 Alex Ribeiro (BRA) 10.080
5 Reo Inaba (JAP) 8.910
6 Jack Robinson (AUS) 8.070
7 Jordan Lawler (AUS) 7.980
8 Hiroto Ohhara (JAP) 7.900
9 Connor O´Leary (AUS) 7.420
10 Jorgann Couzinet (FRA) 7.360