Tomas e Ian avançam

Tomas Hermes e Ian Gouveia passam de fase no Hawaiian Pro em dia de ondas grandes no pico de Haleiwa.

0
Tomas Hermes doma as bombas de Haleiwa e conquista a única vitória brasileira no dia.

Tomas Hermes e Ian Gouveia foram os únicos brasileiros que avançaram neste sábado no Hawaiian Pro, a primeira etapa da Tríplice Coroa Havaiana 2019. Seis brasileiros competiram nas ondas que chegaram a 2,5 metros no pico de Haleiwa, e apenas os dois avançaram.

Clique aqui para ver as fotos

Clique aqui para ver o vídeo

No total foram disputadas dez baterias, sendo as duas últimas da primeira fase e oito da segunda. Tomas Hermes competiu no quarto duelo do round 2 e surfou seis ondas, tendo como melhores notas 7.10 e 6.33. O sul-africano Adin Masencamp avançou na segunda posição e os franceses Tristan Guilbaud (3º) e Gatien Delahaye (4º) foram eliminados.

Ian participou no duelo seguinte e passou em segundo lugar com 7.67 e 6.33 no somatório. O australiano Cooper Chapman venceu a bateria e o francês Charly Martin (3º) e o argentino Leandro Usuna (4º) se despediram do evento.

Ian Gouveia no ataque de backside na direita de Haleiwa.

Os outros quatro brasileiros que entraram na água neste sábado no evento que é válido como etapa do QS de nível 10.000 perderam. Marco Fernandez caiu ainda na primeira fase, e Thiago Camarão, Wiggolly Dantas e João Chianca foram eliminados no round 2.

Melhores do sábado – As melhores apresentações deste sábado aconteceram nas últimas duas baterias do dia. O sul-africano Beyrick De Vries chegou perto da nota máxima com 9.90 no sétimo duelo da segunda fase, e na bateria seguinte o taitiano O’Neill Massin colocou 9.60 e 8.60 no somatório para ser o recordista da prova até o momento com o somatório de 18.20 pontos.

“As ondas amanheceram maiores e cresceram ainda mais ao longo do dia”, disse Beyrick. “Eu tenho uma 6’6” mágica, que usei no ano passado, e estava achei que ela pudesse ficar muito grande para as ondas, mas quando eu surfei essa manhã, eu pensei: ‘Quer saber de uma coisa: independente do tamanho, mesmo que tenha esquerdas menores, eu vou surfar com essa prancha’. E funcionou. Eu entrei e fiquei um pouco mais pra dentro do pico pra tentar pegar a primeira seção da direita com mais força e aí consegui fazer duas boas ondas”, finalizou o sul-africano.

View this post on Instagram

@beyrick attacking a massive section to earn the highest single wave score of the event thus far 👏 #HawaiianPro #VTCS @vanssurf @vans

A post shared by World Surf League (@wsl) on

Mais brasileiros – Restam oito baterias pra terminar o round 2 e Luel Felipe, Weslley Dantas, Samuel Pupo e Alejo Muniz ainda vão competir pelo Brasil na fase. No terceiro round vão estrear os brazucas Willian Cardoso, Deivid Silva, Miguel Pupo, Alex Ribeiro, Yago Dora, Caio Ibelli, Jadson André, Michael Rodrigues e Jesse Mendes.

Próxima chamada – A próxima chamada para o Hawaiian Pro acontece neste domingo às 14:30h (horário de Brasília).

Round 1

15 anner Gudauskas (EUA) 16.20 x Luke Gordon (EUA) 13.23 x Marco Fernandez (BRA) 11.77 x Chris Foster (HAV) 5.60
16 Billy Kemper (HAV) 17.73 x Vasco Ribeiro (POR) 14.67 x Mihimana Braye (TAH) 14.63 x Brodi Sale (HAV) 11.76

Round 2

1 Ethan Ewing (AUS) 15.94 x Morgan Cibilic (AUS) 13.07 x Ian Gentil (HAV) 12.00 x Coconut Willie (HAV) 7.60
2 Nolan Rapoza (EUA) 15.24 x Etihan Osborne (EUA) 14.83 x Cam Richards (EUA) 12.17 x Rio Inaba (JAP) 8.13
3 David Van Zyl (AFR) 12.77 x Matt Banting (AUS) 11.50 x Dusty Payne (HAV) 9.60 x Robert Grilho (HAV) 9.04
4 Tomas Hermes (BRA) 13.43 x Adin Masencamp (AFR) 12.46 x Tristan Guibaud (FRA) 11.83 x Gatien Delahye (FRA) 10.00
5 Cooper Chapman (AUS) 15.24 x Ian Gouveia (BRA) 14.00 x Charly Martin (FRA) 12.20 x Leandro Usuna (ARG) 11.60
6 Liam O’Brien (AUS) 15.50 x Dylan Lightfoot (AFR) 11.66 x Imaikalani deVault (HAV) 11.27 x Thiago Camarão (BRA) 7.50
7 Beyrick De Vries (AFR) 17.00 x Carlos Munoz (CRC) 14.10 x Wiggolly Dantas (BRA) 14.07 x Michael Dunphy (EUA) 9.83
8 O’Neill Massin (TAH) 18.20 x Evan Geiselman (EUA) 13.33 x João Chianca (BRA) 12.67 x Hiroto Ohhara (JAP) 9.57

Clique aqui para ver as próximas baterias