El Salvador sedia decisão

La Bocana, em El Salvador, recebe última etapa do circuito latino-americano; brasileiros marcam presença.

0
La Bocana é palco da quarta e última etapa do Alas Latin Tour.

Destino turístico cada vez mais procurado por surfistas do mundo inteiro, El Salvador recebe a quarta e última etapa do ALAS Latin Tour 2019, tradicional circuito latino-americano.

A competição começa nesta quarta-feira (13) e vai até sábado nas ondas de La Bocana, bancada com formação rochosa que oferece ondas para os dois lados.

A cerimônia de abertura reuniu um grande público no pico situado em El Tunco. Ministra de turismo de El Salvador, Morena Valdez destacou a importância do surfe para o País. “El Salvador possui todas as possibilidades de ser a referência da região e ficar conhecido como o melhor país da América Central para quem quer surfar”, diz Morena. “Temos as melhores ondas da região e uma das maiores vantagens é que as distâncias entre elas são curtas”, conclui a ministra.

Quem também rasgou elogios ao País foi o presidente da Associação Latino-Americana de Surf (ALAS), o peruano Karin Sierralta. “O mundo está vendo o imenso potencial que El Salvador tem e, graças à articulação das instituições, os jovens salvadorenhos podem ter apoio técnico e institucional para que possam sair e demonstrar todo o talento oferecido por esse belo país”, revela Karin. “Eventos como esse, além de apoiar os jovens salvadorenhos e latino-americanos, permitem projetar e promover o país como destino turístico com ondas impressionantes”, completa o dirigente.

Os brasileiros também marcam presença na competição, que conta com as categorias Open Masculina, Open Feminina, Junior, Longboard Masculino, SUP Surf Masculino e SUP Surf Feminino.

A lista de inscritos conta com Aline Adisaka nas duas categorias de SUP, Cabral Rodriguez na Open Masculina, Andressa Carvalho na Open Feminina e seu filho Kauã Carvalho (de apenas 9 anos) na Junior.

A batalha promete ser acirrada, especialmente na Open masculina, liderada pelo chileno Maximiliano Cross, com 6.690 pontos. Em sua cola estão o peruano Juninho Urcia, com 6.375 e o equatoriano Jonathan Chila, que soma 6.060.

Para acompanhar a transmissão ao vivo, visite o site Alaslatintour.com.

View this post on Instagram

La Bocana, em El Salvador, oferece boas condições para a abertura da etapa decisiva do ALAS Latin Tour. 🎥: @aderoliveira #LaBocana #ElSalvador #AlasLatinTour #Waves #ElTunco

A post shared by Waves (@wavesbr) on