Ministro ratifica decisão

Primeiro-ministro japonês Shinzo Abe confirma que Olimpíada de 2020 será adiada após acordo com COI.

0
Torcida local durante o ISA World Surfing Games 2019 em Miyazaki.

Primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe confirmou nesta terça-feira (24) que as Olimpíadas de Tóquio serão adiadas e que, se depender da vontade do governo, a disputa só deve acontecer em 2021.

A decisão foi tomada em conjunto com o Comitê Olímpico Internacional devido à pandemia de Covid-19 que afeta quase todos os países do planeta. Na última segunda-feira (22), o canadense Dick Pound, membro mais antigo do COI, já havia adiantado a informação.

No último final de semana, várias entidades (incluindo o COB) se manifestaram a favor do adiamento dos Jogos, alegando que isso não afetaria em nada o prestígio do COI.

De acordo com reportagem do UOL, Abe conversou por telefone nesta terça com o presidente do COI, Thomas Bach, e expressou seu apreço pelo fato de a decisão do COI estar de acordo com a política do Japão de realizar os Jogos na íntegra.

Segundo a reportagem, ele então proporá ao COI um adiamento de cerca de um ano e solicitará que as decisões sejam tomadas o mais rápido possível, incluindo o cronograma de adiamento.