WSL aguarda swell

Próxima chamada do Tahiti Pro acontece neste sábado, às 14h (horário de Brasília); fique por dentro da previsão das ondas.

0
© WSL / Cestari
Tahiti Pro tem nova chamada neste sábado.

O Tahiti Pro voltou a ser adiado nesta sexta-feira (23/8), devido às condições inconsistentes do mar em Teahupoo. Uma ondulação mediana é aguardada, mas deve ganhar pressão lentamente no decorrer do dia. A próxima chamada acontece neste sábado, às 14h (horário de Brasília).

No fim de semana, as condições tendem a melhorar, com as ondas quebrando na faixa de até 2 metros de face e séries maiores durante a tarde do sábado. No domingo, o swell pode ganhar um pouco mais de força. Os ventos devem colaborar bastante, variando de leste a sudeste (terral / lateral).

A ondulação tende a diminuir levemente na segunda-feira, mas há bom potencial para a chegada de um swell mais intenso na terça e quarta-feira, ultrapassando os 2,5 metros de face nas séries.

Na quinta e sexta, a tendência é de ondas menores, mas com boa formação.

Os organizadores monitoram ainda uma ondulação prevista para os dois últimos dias da janela de espera (31/8 e 1/9).

Primeira fase

1 Gabriel Medina (BRA), Peterson Crisanto (BRA), Soli Bailey (AUS)
2 Jordy Smith (AFR), Adrian Buchan (AUS), Jadson André (BRA)
3 Kanoa Igarashi (EUA), Caio Ibelli (BRA), Adriano de Souza (BRA)
4 Italo Ferreira (BRA), Sebastian Zietz (HAV) e Kauli Vaast (FRA)
5 Filipe Toledo (BRA), Joan Duru (FRA) e Tyler Newton (HAV)
6 Kolohe Andino (EUA), Yago Dora (BRA) e Matahi Drollet (PLF)
7 Kelly Slater (EUA), Deivid Silva (BRA), Frederico Morais (POR)
8 Ryan Callinan (AUS), Willian Cardoso (BRA), Ricardo Christie (NZL)
9 Julian Wilson (AUS), Michael Rodrigues (BRA), Ezekiel Lau (HAV)
10 Michel Bourez (FRA), Jeremy Flores (FRA), Griffin Colapinto (EUA)
11 Owen Wright (AUS), Wade Carmichael (AUS), Jessé Mendes (BRA)
12 Conner Coffin (EUA), Seth Moniz (HAV), Jack Freestone (AUS)