Brazucas ficam de fora

Competição exclusiva de aéreos, Red Bull Airborne chega à sua etapa final na França sem representantes do Brasil.

0
Jack Freestone participa de competição de aéreos na França.

Depois de passar pela Gold Coast e Keramas, a competição especial de aéreos Red Bull Airborne chega à sua parada final em Hossegor, França.

O evento idealizado pelo ex-Top da elite mundial John Kerr acontece paralelamente à etapa do CT no litoral francês e tem até o dia 9 de outubro para ser realizado.

Na primeira fase serão seis baterias de 30 minutos, com seis surfistas em cada disputa. Cada surfista participa de duas baterias e os seis melhores avançam à final.

Os aéreos são as únicas manobras computadas e apenas as duas melhores manobras de cada surfista são contabilizadas no ranking geral. O melhor aéreo tem pontuação dobrada.

Na Gold Coast, o brasileiro Italo Ferreira levou a melhor e ficou com o título. Já em Keramas o australiano Jack Freestone foi o grande vencedor.

O evento na França conta com especialistas em decolagens como os havaianos Matt Meola e Albee Layer e o australiano Noa Deane. Nenhum brasileiro foi escalado para esta última disputa.

Primeira fase

Bateria 1

1 Julian Wilson (AUS), Eithan Osborne (EUA), Kalani David (HAV), Reef Heazlewood (AUS), Matt Meola (HAV), Albee Layer (HAV)
2 Noa Deane (AUS), Kevin Schultz (USA), Griffin Colapinto (EUA), Ian Crane (EUA), Matt Banting (AUS), Nomme Mignot (FRA)
3 Chippa Wilson (AUS), Jack Freestone (AUS), Eric Geiselman (EUA), Finn Mcgill (HAV), Cam Richards (EUA), Maxime Huscenot (FRA)

Bateria 2

1 Noa Deane (AUS), Jack Freestone (AUS), Eric Geiselman (EUA), Ian Crane (EUA), Matt Meola (HAV), Albee Layer (HAV)
2 Julian Wilson (AUS), Kevin Schultz (EUA), Finn Mcgill (HAV), Reef Heazlewood (AUS), Matt Banting (AUS), Maxime Huscenot (FRA)
3 Chippa Wilson (AUS), Eithan Osborne (USA), Griffin Colapinto (EUA), Kalani David (HAV), Cam Richards (EUA), Nomme Mignot (FRA).