Lesões complicam Tops

Leo Fioravanti e outros atletas podem desfalcar a etapa de abertura do Championship Tour em Snapper Rocks, Austrália.

0
Lesionado em Newcastle, Leo Fioravanti pode ficar fora da etapa de abertura do CT.

O Quiksilver Pro Gold Coast, etapa de abertura do Championship Tour 2019, pode contar com alguns desfalques.

Além do campeão mundial Adriano de Souza, que ainda se recupera de uma lesão no joelho sofrida no ano passado, em Portugal, e pode ficar fora das duas primeiras etapas da temporada, correm risco Adrian Buchan, Leo Fioravanti e, segundo rumores, Griffin Colapinto.

Buchan também sofreu uma lesão no joelho e corre contra o tempo para estar apto a participar da primeira prova do ano. Em fevereiro, o australiano treinava em Avoca Beach e se deu mal ao ser espremido em um pequeno tubo. A consequência foi uma ruptura parcial do ligamento cruzado anterior.

Adrian Buchan corre contra o tempo para se recuperar de contusão no joelho.

Na semana passada, durante o QS 6.000 em Newcastle, a campanha do italiano Leonardo Fioravanti terminou repentinamente nas quartas de final, quando teve o ombro deslocado em sua primeira onda na bateria, ao aterrissar sem sucesso em um aéreo rodando de backside, colocando todo o peso do seu corpo no ombro.

“Muito chateado por terminar uma semana tão incrível com um ombro deslocado na minha primeira onda nas quartas de final”, escreveu Fioravanti no Instagram, logo depois de abandonar o evento.

A extensão da lesão não está clara neste momento, mas Fioravanti também espera poder se reabilitar a tempo de disputar a abertura da temporada.

“Agora todo o meu foco é voltar à água para o primeiro evento do CT no Snapper Rocks”, continuou Fioravanti.

Há rumores também de que o californiano Griffin Colapinto sofreu uma lesão durante uma trip a Marrocos, mas o Top não se pronunciou até o momento. O Waves tentou contato com o atleta, mas não teve resposta até o momento desta reportagem.

Até o momento, o único suplente confirmado em Snapper Rocks é o brasileiro Caio Ibelli. A WSL já confirmou a participação do atleta nas quatro primeiras etapas do ano.