Snapper nega fogo

Depois de promover quatro chamadas, WSL adia competição em Snapper Rocks e volta a analisar as condições do mar neste domingo, às 17:15h (horário de Brasília), em Duranbah.

0
Kolohe Andino está nas quartas do Pro Gold Coast.

Depois de promover quatro chamadas, a WSL optou por adiar a competição em Snapper Rocks, Austrália.

Com o banco de areia em Snapper Rocks ainda irregular, o evento foi colocado em espera para esperar o swell e melhores condições na maré seca. Porém, a maré seca coincidiu com a chegada do vento nordeste, o que obrigou a direção de prova a cancelar o evento e esperar por melhores condições.

No último sábado, circularam rumores de que havia uma cláusula no contrato do evento que obrigava a WSL a promover as baterias em Snapper Rocks por no mínimo um dia, o que teria levado a Liga a abrir mão de Duranbah. Outro fator seria o alto investimento do governo de Queensland e dos patrocinadores para a realização do evento em Snapper (Dbah fica do outro lado da divisa, já no estado de New South Wales).

Porém, a WSL voltou a anunciar Duranbah como provável destino das finais. A próxima chamada acontece neste domingo, às 17:15h (horário de Brasília), no beach break que recebeu todas as baterias disputadas até o momento.

Os brasileiros Gabriel Medina e Italo Ferreira estão nas quartas de final e podem se enfrentar na semi caso vençam seus respectivos confrontos.

Quartas de final

1 John John Florence (HAV) x Conner Coffin (EUA)
2 Seth Moniz (HAV) x Kolohe Andino (EUA)
3 Gabriel Medina (BRA) x Jordy Smith (AFR)
4 Italo Ferreira (BRA) x Wade Carmichael (AUS)

Semifinais do Boost Mobile Pro Gold Coast

1 Caroline Marks (EUA) x Malia Manuel (HAV)
2 Sally Fitzgibbons (AUS) x Carissa Moore (HAV)