Etapa segue adiada

Ondas fracas forçam novo adiamento do Quiksilver e Roxy Pro France; próxima chamada acontece no domingo, às 3h (horário de Brasília).

0
WSL / Poullenot
Kolohe Andino é um dos pilotos do convidados para o Red Bull Airbone Invitational.

As fracas condições do mar na costa francesa levaram a WSL a adiar o Quiksilver e Roxy Pro France nesta sexta-feira.

A próxima chamada acontece somente no domingo, às 3h da madrugada no horário de Brasília.

O Roxy Pro, nona etapa do CT Feminino, foi iniciado na última quarta-feira (3), em ondas limpas de até 1 metro em Culs Nus, Hossegor, sudoeste da França.

Atual terceira colocada no ranking mundial, a brasileira Tatiana Weston-Webb garantiu vaga direto no terceiro round ao cravar 14.63 na vitória sobre a havaiana Malia Manuel (12.83) e a wildcard australiana Macy Callaghan (10.77).

Além do melhor somatório, a gaúcha criada no Havaí ainda descolou a maior nota do dia, 8.83, ao soltar boas pancadas de frontside em uma esquerda.

Previsão A organização da prova espera ondas um pouco melhores neste sábado (6/10), mas ainda pequenas.

No domingo (7), um swell de oeste / noroeste deve se juntar à pequena ondulação de noroeste que está entrando na costa, proporcionando séries de até 2 metros de face durante a tarde, mas com formação bastante prejudicada pelo vento maral.

As condições do mar devem melhorar na segunda-feira (8), quando o swell começa a perder força, mas o vento maral também enfraquece e passa a soprar de direções variadas.

Uma nova ondulação de noroeste é esperada na terça (9), ganhando força durante o dia, especialmente à tarde, quando as séries podem chegar aos 2,5 metros de face, com ventos favoráveis.

O swell tende a manter sua consistência na quarta-feira (10) e perder força lentamente na quinta (11).

Há potencial também para novas ondulações na sexta-feira (12) e domingo (14) da próxima semana, com domingo parecendo ser o maior dia. Os ventos parecem favoráveis na sexta e no sábado (leves e com possibilidade de terral). Já no domingo, há boas chances de virar para maral.

Quiksilver Pro France 2018

Primeira fase

1 Jordy Smith (AFR), Ezekiel Lau (HAV), Matt Wilkinson (AUS)
2 Owen Wright (AUS), Sebastian Zietz (HAV), Joan Duru (FRA)
3 Italo Ferreira (BRA), Yago Dora (BRA), Keanu Asing (HAV)
4 Julian Wilson (AUS), Frederico Morais (PRT), Wiggolly Dantas (BRA)
5 Gabriel Medina (BRA), Tomas Hermes (BRA), Ryan Callinan (AUS)
6 Filipe Toledo (BRA), Connor O´Leary (AUS), Jorgann Couzinet (FRA)
7 Wade Carmichael (AUS), Adriano de Souza (BRA), Miguel Pupo (BRA)
8 Kolohe Andino (EUA), Adrian Buchan (AUS), Ian Gouveia (BRA)
9 Kanoa Igarashi (JPN), Michael Rodrigues (BRA), Patrick Gudauskas (EUA)
10 Michel Bourez (TAH), Griffin Colapinto (EUA), Jessé Mendes (BRA)
11 Mikey Wright (AUS), Conner Coffin (EUA), Michael February (AFR)
12 Jeremy Flores (FRA), Willian Cardoso (BRA), Joel Parkinson (AUS)

Roxy Pro 2018

Repescagem

1 Malia Manuel (HAV) x Keely Andrew (AUS)
2 Coco Ho (HAV) x. Paige Hareb (NZL)
3 Caroline Marks (EUA) x Vahine Fierro (PLF)
4 Sally Fitzgibbons (AUS) x Pauline Ado (FRA)
5 Nikki Van Dijk (AUS) x Macy Callaghan (AUS)
6 Courtney Conlogue (EUA) x Sage Erickson (EUA)