Circuito dá a largada

Primeira etapa do ASG apresenta Rip Curl Guarujá Open começa nesta sexta-feira (9), na praia do Tombo, Guarujá (SP).

0
Silvia Winik
Giovani Pontes defende o título de supercampeão do Guarujá Open.

Válido pelo circuito municipal guarujaense, o ASG apresenta Rip Curl Guarujá Open 2018 tem início nesta sexta-feira (9), na Praia do Tombo, em Guarujá. O evento organizado pela Associação de Surf de Guarujá (ASG) chega ainda maior esse ano, com a inclusão de novas categorias, como a legends, para competidores dos 45 anos em diante, com a proposta de homenagear surfistas que ajudaram a construir a história da modalidade.

Outra novidade é a disputa Open, para atletas que ainda não se sentem preparados para a disputa profissional. Serão 180 atletas em ação, divididos em 13 categorias. Também estarão em ação a Pro/ Am, com R$ 2,5 mil de premiação, a Master (35 anos em diante), a Longboard (pranchões), a Feminina, a SUP Surf, a Júnior (sub18), a Mirim (sub16), a Iniciante (sub14), a Estreante (sub12) e a Petit (sub10), além do Air Show, valendo o aéreo mais radical.

Como ocorre desde 2002, a competição terá como grande atrativo e diferencial o título de supercampeão guarujaense, uma disputa entre os campeões municipais da temporada (exceto da sub10, sub12, feminina e Sup Surf). Este é o décimo ano consecutivo que a Rip Curl, uma das gigantes mundiais do mercado surfwear, patrocina o campeonato, que já contou com campeões mundiais, como Adriano de Souza e Luiz Diniz.

“Para a Rip Curl, esse evento é de grande importância, por ser na cidade onde temos o nosso escritório para as operações no Brasil, por isso temos essa relação com a Associação de Surf de Guarujá, com a comunidade. O Circuito sempre foi um grande revelador e formador de talentos locais e assumimos esse compromisso para fortalecer esse trabalho”, comenta o gerente de marketing da Rip Curl, Fernando Gonzalez, lembrando que a sede da marca está situada há 15 anos na Praia da Enseada.

Equipe O presidente da ASG, Ademir Silva, comemora a realização de um circuito com duas etapas (a final será nos dias 30 de novembro, 1 e 2 de dezembro, novamente no Tombo) e a ampliação de disputas. “Estamos felizes pela renovação com a Rip Curl, que nos garante muita credibilidade. Seguimos com o nosso objetivo de fortalecer o surf guarujaense e este ano inovamos com os legends, porque Guarujá é uma cidade com muita história no surf e vale a pena enaltecer essa galera”, comenta.

Ele explica que além dos campeões municipais, o Rip Curl Guarujá Open 2018 tem grande importância por formar a equipe que disputará o Paulista Hang Loose Surf Attack em 2019 e também para ajudar a definir o incentivo ao atleta, benefício mensal da Prefeitura de Guarujá, no próximo ano. “Seguimos preparando os atletas de base, revelando talentos e o apoio do Poder Municipal é um grande incentivo”, ressalta.

Inscrições As inscrições para a etapa de abertura ainda seguem abertas e podem ser feitas no palanque fixo Paulo Tendas, na Praia do Tombo, das 14 às 17h. A taxa é de R$ 120,00 em todas as categorias, exceto na pro-am, que o valor é R$ 150,00. Informações com o diretor técnico do Circuito, Carmelo Seabra pelo telefone (13) 97403.2140.