Estreia brilhante

Luna Hardman, filha de Neymara Carvalho, vence etapa do Brasileiro de Bodyboarding em Balneário Camboriú (SC).

0
Estreante na categoria Open Feminino, Luna Hardman segue os passos da mãe em seu primeiro evento nacional.

O público que compareceu neste sábado, na Praia do Estaleirinho, para acompanhar a etapa de abertura do Circuito Brasileiro de Bodyboarding, pôde presenciar a história sendo escrita.

Em um momento muito emocionante, Luna Hardman, filha da pentacampeã mundial Neymara Carvalho, venceu a categoria Open Feminina em uma final que prendeu a atenção de todos que acompanhavam o evento.

O bodyboard corre no sangue da família, e para deixar o momento ainda mais especial, Luna teve a oportunidade de vencer um evento no mesmo local que sua mãe brilhou há quase uma década, quando venceu o Katherine Melo, etapa do Circuito Mundial de Bodyboarding 2009 que rolou nas ondas do Estaleirinho.

Mesmo com apenas 12 anos de idade, Luna já mostra muita personalidade e diz que não sente pressão. “Eu estou muito feliz com a minha vitória. Competi com meninas mais velhas e consegui acertar boas manobras. Para mim é ainda apenas uma diversão e eu não gosto muito de ficar me comparando com a minha mãe, mas sei que isso vai acabar acontecendo por tudo que ela ganhou”, comenta Luna, que brincou na praia que pretende superar todos os títulos da mãe ao ser questionada sobre qual sua ambição no esporte.

Orgulhosa, Neymara sabe que a filha ainda é muito nova para sofrer pressão e deixa a filha livre para fazer suas escolhas. “É inegável que ela tem um talento, mas o que ela vai querer fazer daqui para frente é opção dela. Estamos aqui juntas nos divertindo e isso é o que mais importa. Não quero pressionar nem criar expectativas”, ressalta a Pequena Notável.

E não foi só por causa da filha que Neymara teve motivos para comemorar. Nove vezes campeã brasileira, a capixaba avançou para a semifinal da competição, onde enfrenta a cearense Patricia Setubal na manhã deste domingo, em busca de uma vaga na final. A outra semi será composta pela também capixaba Maira Viana e a gaúcha Joselaine Amorim.

Uri Valadão manda bem na estreia.

Tops estreiam na Pro Masculino

Após um dia sem ondas, o mar reagiu neste sábado com ondas de meio a 1 metro e boa formação, e os tops caíram na água. Destaque para as apresentações de Lucas Rodrigues, atual campeão brasileiro, Sócrates Santana, bicampeão mundial Pro Junior, e Lucas Nogueira, campeão do Katherine Melo em 2009. Abrindo o round 3 logo cedo, Lucas Rodrigues achou duas ondas boas e conseguiu assegurar sua vaga direta para o round 4.

“Estava mais cedo vendo o mar e pensando em tudo o que aconteceu comigo por aqui no ano passado. Batalhei muito para me tornar campeão brasileiro e voltar aqui é um prazer”, avalia o capixaba, que nas oitavas de final vai encarar o carioca Israel Eduardo na bateria que abre a fase.

Quem também teve motivos para comemorar foi Lucas Nogueira. Campeão da etapa do mundial realizada no Estaleirinho em 2009, o capixaba somou 16,50 pontos, melhor somatório do evento até o momento. “Eu tenho uma sintonia enorme com essa praia, isso é inegável. Toda vez que venho pra cá sinto uma coisa diferente e hoje foi assim. Eu achei que poderia ganhar a bateria, mas não pensava que seria achando ondas tão boas. Foi minha primeira bateria no ano e estou bem contente com o resultado”, avalia.

Lucas Nogueira é o recordista de pontos do dia.

Além dos capixabas, o dia foi também dos campeões mundiais. Sócrates Santana mostrou um nível elevado de competição ao bater Israel Salas, tricampeão brasileiro, e Israel Eduardo, com uma excelente escolha de ondas. Uri Valadão, campeão mundial em 2008, também estreou com vitória, assim como o local Eder Luciano, tricampeão mundial do ISA Games e uma das grandes esperanças de título para os donos da casa.

Neste domingo, a categoria Profissional Masculino volta para a água a partir das oitavas de final, no formato homem a homem, ou seja, com apenas dois atletas por bateria. Ainda nesse domingo serão conhecidos também os campeões da Open Masculina, Profissional Feminina e Master Masculina.

Encerrando o penúltimo dia de competições, o capixaba Caio Reis pode comemorar o título na categoria Sub 18 Masculino. Atleta do Espírito Santo, Caio achou as melhores ondas na final da competição, faturando a primeira etapa do Circuito Brasileiro 2018.

Gabriel Braga também está nas oitavas de final.

Profissional Masculina

Round 5

1 Lucas Rodrigues x Israel Eduardo
2 Sócrates Santana x Eduardo Augusto
3 Lucas Nogueira x Gabriel Braga
4 Valdomiro Mirinho x Felipe Lima
5 Uri Valadão x Diego Gomes
6 Adejaldo da Silva x Guilherme Mesquita
7 Eder Luciano x Marcelo Barros
8 Marcos Boeno x André de Souza

Profissional Feminina

Semifinais

1 Patricia Setubal x Neymara Carvalho
2 Maíra Viana x Joselani Amorim

Open Masculina

Semifinais

1 Adriano Barreto, Vinícius Bueno, Gabriel Fusculin e Gabriel Castelan
2 Luan Tavares, João Marcos, Leandro Gonçalves e Paulo César Tonini

Master

Finalistas

Douglas Júnior, Marco Maciel, Claiton Silva e Romulo Ornelas

Open Feminina

1 Luna Hardman
2 Isa Nunes
3 Natáliar Villar
4 Ana Luiza

Sub 18

1 Caio Reis
2 Luis Eduardo Direto
3 Edevailton dos Santos
4 Junior Silva