Vento força paralisação

Após duas baterias, Nazaré Challenge é colocado em espera em Portugal; próxima chamada acontece às 10:30 horas (de Brasília).

0
Praia do Norte quebra com ondas de até 10 metros e condições desafiadoras.

Devido aos fortes ventos, a direção de prova optou por paralisar o Nazaré Challenge, terceira etapa do Big Wave Tour, que acontece neste sábado (10), em ondas de até 10 metros na Praia do Norte, em Nazaré, Portugal.

Em condições pesadas, todos os brasileiros já estrearam no beach break lusitano. O único que avançou foi Lucas Chumbinho, que venceu a primeira bateria do dia com notas 6.00 e 5.63 (vídeo abaixo). Em segundo e terceiro, respectivamente, os havaianos Billy Kemper e Nathan Florence também carimbaram o passaporte ao próximo round.

Na mesma bateria, o carioca Pedro Calado terminou em sexto e foi eliminado da competição. Mesma situação do brasileiro Carlos Burle, que na bateria seguinte não conseguiu dropar nenhuma onda e terminou com o placar zerado.

Aos 50 anos, Burle disputou a última competição da carreira. Quem levou a melhor na disputa foi o norte-americano Peter Mel, que domou uma craca de nota 7.33. O português Alex Botelho e o australiano Jamie Mitchell, atual campeão do Nazaré Challenge, também garantiram vaga no próximo round.

Na primeira onda do dia, João de Macedo bateu de cara na prancha e teve que ser socorrido na areia. Português voltou ao outside e terminou a bateria em quarto.

Susto Logo na primeira onda da competição, a Praia do Norte mostrou que não está para brincadeira. O big rider português João de Macedo abriu os trabalhos em uma bomba e foi logo derrubado, batendo com a cara na prancha.

Sangrando bastante, ele foi prontamente socorrido e voltou ao outside, dropando mais uma onda de nota 4.83. Com a outra onda de 1.90, Macedo terminou em quarto e acabou eliminado do evento.

Uma nova chamada acontece neste sábado, às 9:30 horas (de Brasília). O evento é transmitido ao vivo pelo Waves.