Quase pronto para outra

Com fratura no crânio e o maxilar quebrado, Dusty Payne se recupera do acidente no Backdoor.

7
Dusty Payne segue em recuperação no Queen’s Medical Center, em Honolulu.

Depois do acidente quase fatal no Backdoor, North Shore de Oahu, o havaiano Dusty Payne está consciente e segue em recuperação no Queen’s Medical Center, em Honolulu.

Dusty ficará um bom tempo de molho, pois fraturou o crânio e quebrou o maxilar. Mas, de acordo com o fotógrafo Tom Carey em conversa com a Stab, o surfista está consciente e em estado estável.

“Ele está consciente e é capaz de dizer o nome das pessoas”, conta Carey. “Também está tentando não tomar nenhuma medicação, é doido. Mesmo com a cirurgia nas costas, o cara tomou um remédio para dor e jogou o resto fora. É um dos homens mais fortes que conheço”, complementa Tom, que estava fotografando na água em Off-The-Wall no momento do acidente.

“Ele teve sorte, aquela onda é muito perigosa… Seis pés e muito rasa. Nós vimos o ângulo de dentro da água, foi realmente assustador. Da terra não dá para perceber tanto o choque, acho que ninguém quer postar a cena de dentro da água”, diz.

Depois da vaca e do choque com a bancada, o havaiano não voltou à superfície e ainda foi bombardeado por uma série com cinco ondas, ficando submerso por aproximadamente 1 minuto e 20 segundos.

O resgate foi feito por fotógrafos como Keoki Saguibo, que estavam no lineup, e logo em seguida por salva-vidas locais como o brasileiro Guilherme Tâmega.