De volta a Mentawai

Aos 11 anos, grommet brasileiro Pietro Garroux realiza o sonho de retornar ao arquipélago mágico de Mentawai.

0

O grommet brasileiro Pietro Garroux, de 11 anos, mais uma vez realizou o sonho de surfar em Mentawai, tendo como um dos seus apoiadores a Sibon Charters, empresa que opera com dois dos melhores catamarãs que fazem a boat trip pelas Mentawaiis e Telos.

A trip aconteceu em julho, época que as condições para a região são de ondas mais sólidas com a entrada de bons e seguidos swells. Na viagem, Pietro contou o feeling do surfista e um dos sócios da Sibon, Ícaro Ronchi, o videomaker e empresário Victor Cestari, o casal de surfistas e viajantes Nelson Pinto e Marcela Witt, o mestre BJJ em Bali, Luiz Otavio Perry Lopes (Cacau), seu pai Marcelo Garroux e outros amigos.

A viagem começou simplesmente épica, com um Telescopes de 4 a 6 pés clássicos. Depois, seguimos para Macaronis, Lances Left, passamos novamente por Macaronis, fomos para Thunders, Roxies, E-bay, Hideaways e alguns secrets. Enfim, foi praticamente uma viagem pelo norte e sul das Mentawai.

Dessa vez, Pietro teve oportunidade de treinar muito seu backside e seu posicionamento nas melhores esquerdas da região. Foram 10 dias no Sibon Baru, sua casa flutuante, com ondulações variando de 4 a 8 pés, com um dia realmente pesado com Telescopes alcançando séries de 10 pés e oferecendo um show de surfe e aprendizado. Também não dá pra esquecer da sessão em Roxies com apenas quatro pessoas na água, debaixo de um temporal insano e retratada apenas em fotos por seu pai.

Agora Pietro retorna à Costa Rica, onde vive, e segue sua rotina de treinos diários, mas já pensando na sua terceira temporada em Mentawai e nas próximas trips e competições.

“Terima kasih Mentawaii, aku mencintaimu”.

Se você curtiu o vídeo, siga o grommet no Instagram @pietrogarroux

Agradecimentos aos patrocinadores: Sibon Charters, Janga Wetsuits, Janga Brasil, Bully’s, Simple Apotheca e Fuwax, Agradecimento especial a todo crew do Sibon Baru.

Imagens: Victor Cestari, Nelson Pinto e Marcelo Garroux. Edição: Victor Cestari.